Foi um sábado (18) de recordes para o Manchester City.

Primeiro por causa do título. O time treinado por Pep Guardiola goleou o Watford por 6 a 0 em Wembley e conquistou o troféu da Copa da Inglaterra. Com o resultado, a equipe ganhou o três títulos nacionais da temporada —antes, já havia sido campeão do Inglês e da Copa da Liga Inglesa.

A chamada tríplice coroa era inédita até então no futebol inglês. Pelo menos entre os homens, como fez questão de ressaltar Guardiola em entrevista coletiva nesta sexta (17), dia anterior à final.

“A primeira equipe entre os homens”, respondeu o técnico para um repórter, em referência ao time feminino do Arsenal, que já havia sido campeão dos três torneios.

O segundo recorde veio do placar. Quando Sterling marcou o sexto gol, o Manchester City igualou a maior goleada já vista em finais da Copa da Inglaterra. A última vez que os torcedores haviam presenciado um 6 a 0 havia sido em 1903, quando o Bury venceu o Derby County pelo mesmo resultado.

E por pouco o City não fez o placar mais elástico. Aos 46 minutos do segundo tempo, Sané chutou forte de fora da área e, por muito pouco, não fez o sétimo gol. 

Os seis gols do jogo vieram dos pés de David Silva, De Bruyne, Sterling (duas vezes) e Gabriel Jesus, que teve boa atuação no lugar de Aguero, marcou duas vezes e deu uma assistência.

Em baixo das traves da equipe adversária estava o goleiro brasileiro Gomes, que foi titular do Watford durante o torneio. A final pode ter sido sua última partida como jogador profissional —o clube inglês fez uma proposta de renovação de contrato por um ano, mas o goleiro já afirmou que pensa em se aposentar.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here